Café robusta cai mais de US$ 50 nesta 2ª na Bolsa de Londres e completa terceira baixa seguida

As cotações futuras do café robusta na Bolsa de Londres (ICE Futures Europe), antiga Liffe, caíram pela terceira sessão consecutiva nesta segunda-feira (22), com baixas de mais de US$ 50 por tonelada, e voltaram a se distanciar do patamar de US$ 2.000. O mercado ainda repercute as informações sobre a oferta global do grão.

O contrato maio/17 encerrou a sessão cotado a US$ 1895,00 por tonelada com queda de US$ 56, o julho/17 registrou US$ 1925,00 por tonelada e recuo de US$ 52 e o setembro/17 anotou US$ 1944,00 por tonelada com desvalorização de US$ 54.

“No curto prazo, não há nada de otimista no café, os estoques de café verde são tremendos nos Estados Unidos e na Europa”, disse na sexta-feira (19) à agência de notícias Reuters o sócio-gerente e consultor de negociação de commodities da NickJen Capital, Nick Gentile.

Na sexta-feira (19), o Indicador CEPEA/ESALQ do robusta, tipo 6, peneira 13 acima, teve a saca de 60 kg cotada a R$ 412,08 com avanço de 0,72%.

Fonte: Notícias Agrícolas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *